sexta-feira, 14 de janeiro de 2011

Escola da Embratel é a principal reivindicação da comunidade

foto: luciano lanes / pmpa
A construção de uma escola de ensino fundamental na região é a principal reivindicação da comunidade do Alto Embratel, na Grande Glória. A demanda foi discutida na tarde desta sexta-feira, 14, com técnicos da prefeitura, juntamente com a prefeita em exercício Sofia Cavedon e representantes da população no terreno que vai receber a instituição.

As lideranças do local denunciaram a prefeita o alto índice de redução de vagas na região, devido ao fechamento de instituições. Eles reafirmaram a Sofia a urgente necessidade da construção da escola.

Os técnicos da secretaria municipal de Educação explicaram à comunidade que no local não será possível construir uma escola com projeto padrão, devido ao relevo do terreno. Por isso, o trabalho é mais demorado e custará cerca de 30% a mais do que o estimado para uma instituição que atenderá cerca de mil crianças.

foto: luciano lanes / pmpa
Sofia recebeu as demandas da comunidade e ressaltou a importância de ouvir das pessoas o que elas necessitam. “Estamos trazendo as secretarias para ver o que é possível resolver para atender as solicitações dos moradores”, declarou a prefeita em exercício. Ela também encaminhou a realização de uma reunião entre os governos estadual e municipal, juntamente com as entidades envolvidas, visando intensificar as ações para o início das obras.

Na ocasião, a Associação de Educadoras Populares de Porto Alegre fez a entrega de um documento de encaminhamento para construção de uma sede para a entidade. Durante o encontro, o Departamento Municipal de Limpeza Urbana esteve no local retirando focos de lixo irregulares.

Fonte: Portal da Prefeitura de Porto Alegre.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ao postar seu comentário, por favor, deixe seu contato para que possamos retornar. Obrigada.