quinta-feira, 25 de outubro de 2012

Educadores vão lutar pela manutenção do cargo de monitor

Foto Divulgação Atempa
Surpreendidos com a proposta da Secretaria Municipal de Educação (Smed) de extinguir o cargo de monitor da Rede Municipal de Ensino, educadores reuniram-se nesta quarta-feira (24/10) e decidiram lutar pela manutenção do cargo.O encontro foi promovido pela Atempa e pelo Simpa e lotou o auditório do Sindicato.

A Smed pretende ainda criar dois novos cargos: agente de apoio à educação inclusiva e educador da educação infantil. A mudança preocupa os trabalhadores em educação, que vão debater o assunto nas escolas. Eles querem manter o cargo de monitor, mesmo que seja com mudança no nome, mas que tenha alteração salarial para o padrão 7.

Encaminhamentos: foram sugeridas as seguintes propostas, aprovadas por unanimidade:
- que haja debate nas escolas;
- Atempa e Simpa vão elaborar material explicativo para as escolas;
- unificar a comissão de monitoras com o GT da Educação;
- usar adesivos;
- manter as quartas-feiras como dia de mobilização;
- fazer uma emenda popular;
- utilizar a tribuna popular da Câmara Municipal de Porto Alegre.

Eleição de diretores de escola
Durante a plenária, foi discutida também a eleição de diretores de escola. Os educadores desejam que todos os trabalhadores em educação possam ser candidatos à direção. Haverá debate sobre o assunto. 

Matéria publicada no Portal da Atempa