terça-feira, 5 de março de 2013

Cece vistoria teatros com o Sated

Foto Francielle Caetano/CMPA
Precárias condições dos espaços foram constatadas 

A Comissão de Educação, Cultura, Esportes e Juventude (Cece), da Câmara Municipal de Porto Alegre, esteve nos teatros Renascença e Sala Álvaro Moreyra na tarde desta terça-feira (5/3), verificando a as condições de segurança dos locais que são administrados pela Secretaria Municipal de Cultura (SMC) da Capital.

Acompanhada de representantes do Sindicato dos Artistas e Técnicos em Espetáculos de Diversões do Rio Grande do Sul (Sated/RS), a vereadora Sofia Cavedon (PT-PoA), presidente da Comissão, ressaltou as enormes necessidades dos espaços, que vão desde a segurança até a qualidade técnica de som e luz. “No encontro informamos as emendas conquistadas no orçamento 2013 para a cultura que somavam cerca de R$ 300 mil para as reformas dos teatros”, destacou.

Conforme Sofia a Sala Álvaro Moreyra está funcionando, “porém com precárias condições de segurança, em especial para os técnicos que suportam barulho, calor, espaço estreito e risco”. Já o teatro Renascença, tem situação tão grave que está interditada para reformas emergenciais. “Ano passado disputamos mais recursos para a cultura e está provado que é urgente” salienta a vereadora.

Para o secretário-geral do Sated/RS, Fábio Cunha, “a intenção é incentivar a conscientização para que sejam contratados profissionais com registro”.

O secretário-adjunto da Cultura, Vinícius Caurio, lembrou que cerca de 76 mil pessoas compareceram aos 900 espetáculos realizados no ano passado nos três teatros da prefeitura (Sala Álvaro Moreyra, Renascença e Teatro de Câmara). “Nossa prioridade é deixar os espaços apropriados para receber o público e os profissionais com qualidade e segurança”, garantiu.

A presidente da Cece disse que o tema voltará a ser discutido na próxima reunião da comissão, na terça-feira da semana que vem (12/3). “Queremos debater formas de evitar o contingenciamento de verbas para o setor da Cultura em Porto Alegre”, afirmou Sofia Cavedon.

Com informações do Portal da CMPA.

Veja também: 
11 de novembro de 2012
LDO 2013 – GT e Sofia apresentam Emendas ao Orçamento