sábado, 18 de maio de 2013

Comitê Metropolitano Pró-Uergs inicia luta pela liberação de verbas

Foto Divulgação Gabinete
Nesta sexta-feira (17/5), Sofia Cavedon, vereadora petista de Porto Alegre, juntamente com Paulo Paim, visitou as futuras instalações da Universidade Estadual do RS (Uergs), quando também foi apresentado ao Senador (PT/RS), o Comitê Metropolitano Pró-Uergs, constituído de lideranças regionais e vereadores da Região Metropolitana da capital.

Conforme Sofia, a primeira luta do Comitê, com apoio do senador Paim, será concretizar o Campus Central no Centro Vida, zona Norte da cidade.

A reportagem da Editoria de Ensino do jornal Correio do Povo acompanhou a visita. Leia abaixo a matéria publica na edição deste sábado (18/5), na página 15 do CP.

Comitê Pró-Uergs quer novo campus 

Foto Divulgação Gabinete
As obras do Campus Central da Universidade Estadual do RS (Uergs), em Porto Alegre, poderão ter início no 1º trimestre de 2014. Mas será necessária uma mobilização ainda maior que a atual para a liberação de R$ 3,5 milhões, iniciais, já empenhados do Fundo Nacional do Desenvolvimento da Educação (FNDE), do Ministério da Educação.

A área, conforme a vereadora Sofia Cavedon, do Comitê Metropolitano Pró-Uergs, está garantida. São 3,9 hectares contíguos à estrutura do Centro Vida, na avenida Baltazar de Oliveira Garcia, 2132, já cedidos pelo governo do Estado. Vereadores ligados à zona Norte da Capital e de Viamão, Alvorada, Esteio e Cachoeirinha estão unidos para ver o campus implantado no local.

Os R$ 3,5 milhões só assegurariam área para Reitoria, administração e, talvez, biblioteca central. Para abrigar todas as unidades, hoje dispersas (cursos de Gestão em Saúde e Gestão Pública e anfiteatro), e as novas instalações para pós-graduação, mestrado e doutorado (10 mil m de construção), o orçamento subiria para R$ 13,6 milhões, segundo a coordenadora do Departamento de Projetos Especiais da Uergs, a engenheira Ana Cecília Librelotto.

Ontem, o Comitê Metropolitano levou o senador Paulo Paim para visitar a área da Uergs, no bairro Rubem Berta, e para conhecer o projeto do empreendimento. 'Paim tem indicado muitas verbas, das emendas parlamentares, para a construção do campus', revelou Sofia. O senador está otimista: 'Tenho destinado toda a minha verba de emendas à Uergs. Este ano são R$ 15 milhões aos 23 campi da universidade pelo Estado. Faremos pressão política da bancada junto à Casa Civil para a liberação dos recursos.'

Editoria de Ensino - Página 15, da edição deste sábado (18/5).