quinta-feira, 20 de junho de 2013

Escola da Embratel na Tribuna Popular nesta segunda-feira

Nesta segunda-feira (24/6), às 14h, lideranças da região Glória irão ocupar, durante a sessão ordinária da Câmara Municipal de Porto Alegre, a Tribuna Popular para reivindicar, mais uma vez, a construção da Escola da Embratel, esperada pela comunidade há anos.

Realização de uma Audiência Pública para tratar do tema também dói solicitada e ainda sem data definida.

Foto Divulgação Gabinete
Moradores do Glória querem ensino fundamental no bairro 

Construir uma escola como forma de evitar a evasão das crianças e adolescentes do bairro Glória e arredores. Esta é a reivindicação dos moradores da região, que argumentam que, na contramão do crescimento populacional da região, as vagas de ensino fundamental têm diminuído devido ao fechamento de algumas escolas – em dois anos, afirmam, cerca de 500 vagas foram extintas.

“Nós temos crianças que têm que pegar dois ônibus para chegar à escola, muitas vezes do outro lado da cidade. Muitas acabam desistindo de estudar”, lamentou Tamar de Oliveira Ferreira, professora e uma das lideranças presentes à reunião. Ela relata que a Prefeitura de Porto Alegre já destinou um terreno para a construção de um estabelecimento de ensino e que a Secretaria Municipal de Educação (Smed) estaria abrindo o processo de licitação em julho. “No entanto nós estamos ouvindo a promessa de que logo teremos escola há muito tempo”, criticou Tamar, visivelmente desacreditada e mostrando documentos que comprovam que a reivindicação é antiga.

Outra liderança da comunidade, Enílson Schepff Silva – conhecido como Toco –, relatou a dificuldade e a demora para chegar à escola, o que faz com que muitas crianças abandonem os estudos cedo. “A conseqüência desta evasão é que a região está cada vez mais violenta e tomada pelo tráfico de drogas. Criança fora da escola fica vulnerável aos traficantes. A escola nova abriria 1200 vagas e diminuiria o problema”, garantiu, ao lembrar que a construção é uma demanda aprovada no Orçamento Participativo, ainda em 2008.

Fonte: Portal da CMPA.

Foto Divulgação Gabinete
Conheça a luta: 
27 de março de 2008
Comunidade pede construção de escola na Zona Sul
14 de janeiro de 2011
Escola da Embratel é a principal reivindicação da comunidade
02 de maio de 2013
Educação infantil e escola da Embratel pautaram reunião com a Cece
17 de maio de 2013
Sofia pede auxílio do TCE-RS contra redução de vagas na educação infantil