quinta-feira, 11 de julho de 2013

Nota da Bancada do PT de Porto Alegre sobre a ocupação da Câmara de Vereadores da capital

Foto Elson Sempé Pedroso/CMPA 
A Bancada do PT na Câmara Municipal respeita o movimento dos jovens coordenado pelo Bloco de Luta, que ocupa a Casa Legislativa da capital, considerando legítima a manifestação e defende o diálogo para a resolução do impasse, a partir da pauta apresentada pelos Movimentos, que tem como ponto central a transparência e o controle público do transporte coletivo de Porto Alegre. 

Foto Elson Sempé Pedroso/CMPA
Nesse sentido, a Bancada do PT já apresentou proposta referente ao tema, quando no dia 04 de julho, protocolou projeto de lei que institui o Sistema de Gestão Pública de Transporte Urbano, que compreende a gestão do Fundo Público de Transporte Urbano (FPTU), o Sistema Integrado de Bilhetagem de Transporte Urbano (SIBTU) e instrumentos de transparência e controle social. 

A proposta também democratiza a composição do Conselho Municipal do Transporte Urbano (COMTU), que passaria a ser tripartite: um terço do Executivo municipal, um terço das entidades eleitas e um terço de eleitos pelos usuários de ônibus.

A elaboração de um plano municipal para qualificação do transporte coletivo e instituição da tarifa justa também é contemplado, tendo pontos como, melhorias de acessibilidade, conforto e climatização aos usuários, motoristas e cobradores, sustentabilidade ambiental, sinalização adequada nas paradas das linhas, itinerários e horários, adequação das tabelas e cobertura das linhas de acordo com as demandas dos usuários. O plano projetará, ainda, a ampliação progressiva do atendimento do transporte de ônibus pela Companhia Carris Porto-Alegrense.

Assinam esta nota:
Alberto Kopittke - (@albertolk)
Engenheiro Comassetto - (@comassettopt)
Marcelo Sgarbossa - (@marcelo13123) 
Mauro Pinheiro - (@mauropinheiro)
Sofia Cavedon - (@sofiacavedonPT)