quarta-feira, 16 de outubro de 2013

Caravana das Boas Práticas Pedagógicas visita escola neo-Humanista Ananda Marga

Foto Francielle Caetano/CMPA
A Comissão de Educação, Cultura, Esporte e Juventude (Cece) da Câmara Municipal de Porto Alegre visitou, nesta terça-feira (15/10), a Escola de Educação Infantil Neo-Humanista Ananda Marga, localizada no bairro Belém Novo. A visita, que faz parte da Caravana das Boas Práticas Pedagógicas, tinha por objetivo conhecer de perto o projeto pedagógico da escola, baseado na premissa de que as crianças possuem um desejo inato de aprender a se desenvolver, objetivando despertar a sede de conhecimento que se encontra em seu interior.

A escola é gerida pela Associação Beneficente AMURT-AMURTEL, cujo objetivo é a promoção do indivíduo, da criança, da família e da comunidade, em todas as suas dimensões, baseada nos ideais universalistas do neo-Humanismo.

Filosofia 

Foto Francielle Caetano/CMPA
A educação neo-Humanista, segundo a coordenadora da Ananda Marga, Edeliane Rios, facilita o desenvolvimento de todos os níveis da personalidade humana: físico, mental e espiritual, por meio da busca do desenvolvimento interior. “Estimulamos o desenvolvimento de toda a potencialidade humana, preparando o aluno para a construção de uma nova sociedade, baseada em valores e princípios éticos de solidariedade, liberdade, igualdade e consciência universal”, destacou.

O diretor e tesoureiro da escola, Luiz Mincarone, explicou para a vereadora Sofia Cavedon (PT), presidente da Cece, e para o vereador Tarciso Flecha Negra (PSD), que a filosofia neo-Humanista foi proposta pelo pensador, filósofo e educador P.R. Sarkar no ano de 1982, com o intuito de elevar os sentimentos humanos, tornando o homem ciente de suas responsabilidades consigo mesmo, com a comunidade humana e com o meio ambiente.

Princípios

Foto Francielle Caetano/CMPA
O projeto desenvolvido pela instituição se baseia na Alimentação Saudável (lacto vegetariana), ética e moral, mediação e ioga - princípios que norteiam o trabalho pedagógico das cinco instituições de Educação Infantil Comunitárias Ananda Marga conveniadas com a prefeitura, e que atendem 300 crianças.

Sofia e Tarciso afirmaram mais uma vez se surpreender com os inusitados processos educativos que a Caravana desvela. Nesta instituição, reforça Sofia, as mais qualificadas condições de espaço físico combinam-se com uma ação pedagógica eficiente que forma estudantes solidários, conscientes da necessidade de preservação da natureza e competentes para aprender.

Com informações do Portal da CMPA.