terça-feira, 3 de junho de 2014

Vinte e cinco mil educadores participam do II Seminário Internacional de Educação

Foto Cristhine Genro/Seduc-RS
A noite desta segunda-feira (2) foi de expectativa e entusiasmo para aproximadamente 25 mil educadores que acompanharam a cerimônia de abertura do II Seminário Internacional de Educação que debate, até quarta-feira (4), o Conhecimento e as Juventudes do Século XXI. O evento aconteceu no salão de atos da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), com a participação de 1.500 professores. O Seminário foi transmitido em tempo real pela Companhia de Processamento de Dados do Rio Grande do Sul (Procergs) para 60 polos em todas as regiões do Estado reunindo aproximadamente 23.500 participantes. A Orquestra Sinfônica de Estação, formada por alunos das Escolas Estaduais Emílio Tagliari e Francisco de Assis do município de Estação, abriu a noite com um repertório eclético que emocionou os presentes.

O secretário de Estado da Educação, prof. Dr. Jose Clovis de Azevedo, falou em nome do governo do Estado e enfatizou que o evento é o ponto alto do processo de formação continuada de professores da rede estadual retomado pela atual gestão do Estado. Ele resgatou o Manifesto dos Pioneiros de 1932 que questionava o atraso do Brasil em relação a América Latina e indagava o por que a educação escolar não acompanha as grandes transformações? De acordo com Azevedo, os pioneiros Anísio Teixeira, Lourenço Filho e Fernando de Azevedo, trabalhavam como valor permanente, o qual se deve assentar-se a formação do indivíduo em todas as suas dimensões; solidariedade, cooperação, consciência social, espírito de justiça e comunitarismo. “Nosso grande desafio ainda é colocar em prática esses princípios e valores, plantados pelos pioneiros, em um novo contexto, caracterizado pela complexidade determinada pelo avanço científico e as novas tecnologias”, disse. Para encerrar o secretário desejou que o Seminário possa contribuir para o desenvolvimento de ações pedagógicas que formem pessoas melhores para um mundo melhor.

Representando o Ministério da Educação (MEC) a secretária da Educação Básica, Maria Beatriz Luce, reafirmou o compromisso do Ministério com a democratização da Educação. Também informou, usando a fala do Ministro Henrique Paim em seu discurso de posse, que a formação continuada será uma obsessão na atual gestão. “Esta busca vem se complementar a esforços bem organizados e sistemáticos como os que a Secretaria da Educação do Rio Grande do Sul vem fazendo”, disse.

O reitor em exercício da UFRGS, Rui Vicente Oppermann, parabenizou a Seduc pelo evento instigante e com uma temática atual. “Olhamos para este seminário com grande expectativa. A UFRGS reafirma o compromisso com a Educação e a nossa parceria com o Estado e com o país”, encerrou.

Foto Cristhine Genro/Seduc-RS
A cerimônia foi prestigiada pelo secretário chefe da Casa Civil, Flávio Helmann, secretário de Ciência e Tecnologia, Cleber Prodanov, secretário do Trabalho e do Desenvolvimento Social, Edson Borba, secretária da Justiça e dos Direitos Humanos, Juçara Dutra, secretário Geral de Governo Vinicius Wu, presidente do Conselho Estadual de Educação, Cecília Maria Martins Farias, representante da Assembleia Legislativa, deputado Daniel Bordignon, representante da Câmara de Vereadores de Porto Alegre, vereadora Sofia Cavedon, presidente da Procergs, Cláudio Dutra, reitores de Universidades Públicas e particulares, secretários municipais de Educação e representantes de autoridades federais, estaduais, municipais e de movimento sociais.

Após, aconteceu a primeiro painel do Seminário com o conferencista francês Michel Mafesoli, que ministrou a palestra “Juventudes & Culturas do século XXI”. O painel teve como debatedor o jornalista, escritor e professor Juremir Machado da Silva e medição da secretária-adjunta da Educação, Maria Eulalia Nascimento e a diretora da Faculdade de Educação da UFRGS, Simone Valdete dos Santos.

Fonte: Portal da Seduc/RS.