quarta-feira, 10 de setembro de 2014

Câmara renova votação e aprova emenda a projeto do Fundo Cicloviário

Foto Ederson Nunes/CMPA
Já não bastam as mortes no trânsito, e o governo municipal reduzindo os recursos das ciclovias incluindo, nos 20% usados para a construção, os programas educativos para pedestres! - Sofia Cavedon 

O Plenário da Câmara Municipal de Porto Alegre realizou hoje (10/9) renovação de votação da emenda nº 18 ao projeto de Lei Complementar do Executivo que cria o Fundo Municipal de Apoio à Implantação do Sistema Cicloviário (Fmasc). Na primeira votação, em 21 de maio de 2014, a emenda foi rejeitada. Na votação de hoje, acabou aprovada por 19 votos a três.

Foto Débora Ely/Agência RBS
A emenda altera a destinação de recursos arrecadados com multas para as ciclovias. Pela proposta, "será descontado do montante de 20% devidos para a construção de ciclovias e programas educativos, os valores investidos com programas ou políticas públicas de investimento que contemplem a construção de ciclovias, bem como campanhas que priorizem o pedestre, o ciclista e a acessibilidade universal".

Veja aqui as manifestações de Sofia durante o debate de renovação de votação da emenda.

Fonte: Portal da CMPA.