terça-feira, 7 de outubro de 2014

Unidade Popular reúne militantes na primeira plenária do 2º turno

Foto Caco Argemi/UPPRG 
A primeira plenária da Unidade Popular pelo Rio Grande após o primeiro turno das eleições lotou o salão da Igreja Pompéia, em Porto Alegte, no início da noite desta segunda-feira (6). A atividade deu início aos debates sobre as estratégias de campanha e de mobilização para as próximas semanas e foi marcada por muitas homenagens ao candidato do PT ao Senado, Olívio Dutra.

O resultado das urnas neste último domingo motivou ainda mais a militância e os partidos aliados (PT, PTB, PCdoB, PPL, PTC, PR, PROS), que compareceram na assembleia com a chapa majoritária, assim como os coordenadores regionais.

Faço um chamado para que cada um de nós use toda a energia para seguir uma luta sem tréguas a favor do povo gaúcho trabalhador que é representado pela nossa unidade. Não aceitamos menos que a vitória!”, enfatizou Tarso Genro em seu discurso.

O governador agradeceu o empenho de todos nos três meses de campanha do primeiro turno, especialmente as mulheres da Unidade Popular, representadas na chapa pela vice Abgail. Também afirmou que a militância precisa ter confiança no projeto da coligação e conversar com as pessoas para conquistar novos votos para a chapa. “Temos que reagir com energia política e com superioridade de ideias”, estimulou. Tarso ainda lembrou que a eleição do segundo turno coloca em jogo “valores e programas de governo” e não apenas cargos ou biografias. Sublinhou que o seu projeto está vinculado à tradição da esquerda gaúcha, iniciada no governo do Estado com Olívio Dutra. “A grande síntese do nosso governo está no campo popular e democrático. Resgatamos políticas do governo Olívio, cuidamos para que houvesse distribuição de renda, geração de empregos e políticas sociais para o desenvolvimento com inclusão”, disse.

Homenagem à Olívio Dutra 

Foto PT Porto Alegre
A reunião foi coordenada pelo presidente estadual do Partido dos Trabalhadores, Ary Vanazzi e contou com a presença de presidentes dos partidos aliados, militantes e de deputados federais e estaduais eleitos.

A presença do ex-governador Olívio Dutra, que disputou uma vaga ao Senado federal, inspirou Vanazzi. “Nós vamos reeleger Dilma e Tarso em tua homenagem”, disse o presidente do PT ao companheiro de partido.

Logo no início de sua fala, Tarso também dedicou alguns minutos para falar sobre a importância de Olívio Dutra e da sua candidatura ao Senado. “O último ato desse processo político ainda não aconteceu. No segundo turno, vamos resgatar uma grande vitória e oferecer ao grande companheiro Olívio Dutra, que é uma síntese de toda a nossa trajetória”, disse o governador.

“Essa foi a primeira etapa de uma luta que tem mais desdobres”, afirmou o ex-governador. “A construção de um projeto estratégico se faz através de muitas vitórias, mas também de muitas derrotas. O nosso sentimento maior é de construção de um projeto coletivo”, disse.

Fonte: Portal Sul21.