segunda-feira, 17 de novembro de 2014

Arcoov exige restauração do Viaduto Otávio Rocha

Foto Cristiane Moreira/CMPA 
O presidente da Associação Representativa e Cultural dos Comerciantes do Viaduto Otávio Rocha (Arcoov), Adalcir José Flores, ocupou a Tribuna Popular da Câmara Municipal de Porto Alegre nesta segunda-feira (17/11) para exigir a implementação do projeto de restauração do monumento, situado no Centro Histórico da capital.

Flores pediu respeito aos moradores e comerciantes do viaduto. “Há anos cobramos soluções para os problemas e perguntamos: quando será restaurado?”. De acordo com ele, este é um projeto de restauração e de humanização. “Queremos dar um basta! Sempre recebemos respostas burocráticas para justificar a falta de vontade política”, disse.

Conforme Flores, existem lojas no viaduto que há mais de dez anos não possuem permissionários. “Há espaços que, no decorrer desses anos, transformaram-se em banheiro público. Outros locais estão cedidos a camelôs e entidades sem fins lucrativos que não pagam nenhuma taxa para a administração do município”, afirmou.

O presidente da Arcoov garantiu que o objetivo não é buscar culpados. “Precisamos de soluções imediatas e definitivas”, disse. “Afirmo aos vereadores desta Casa: é hora de tirar o projeto da gaveta. É necessário união entre nossa Associação, o Executivo e o Legislativo. Precisamos buscar recursos para a execução do projeto”, ressaltou.

Também esteve presente no plenário o vice-presidente da Arcoov, José Ademar Fernandes.

Fonte: Portal da CMPA.