segunda-feira, 23 de março de 2015

Museu das águas é fundado em Porto Alegre

Foto Eduíno de Mattos
No Dia Mundial da Água, assinei a ata de criação da Associação dos Amigos do MUSA e nesta segunda-feira protocolei uma Indicação ao Prefeito Municipal para que defina a área para o Museu. Sofia Cavedon 

Local terá finalidade de chamar atenção para crise hídrica no planeta 

Foto Eduíno de Mattos
A comissão Pró-Museu das Águas de Porto Alegre (Musa), realizou neste domingo (22/3) no Dia Mundial da Água, a cerimônia de fundação do Museu das Águas de Porto Alegre. O evento foi realizado na Usina do Gasômetro. A presidente da comissão Pró-Musa, Zoravia Bettiol, e coordenador Luiz Antônio de Grassi, destacaram que o museu terá finalidade de chamar a atenção para a crise hídrica no Mundo, no Brasil, no Rio Grande do Sul e em Porto Alegre. Dois locais, são sugeridos pela comissão, para a construção do museu: próximo ao anfiteatro Pôr do Sol e no Parque Marinha do Brasil, próximo do viaduto Dom Pedro I.

Zoravia Bettiol defendeu a proposta que seja feito um concurso nacional para a escolha do projeto arquitetônico do museu. O trabalho será coordenado pelo Instituo dos Arquitetos do Brasil do Rio Grande do Sul (IAB/RS). Segundo Grassi, a instituição terá uma parte histórica com a exposição de utensílios ligados ao uso da água, como por exemplo, cerâmicas indígenas e torneiras antigas. Na parte educativa, está previsto a colocação de maquetes, cartazes e jogos para crianças e adultos que vão abordar a questão da importância e da gestão da água. O museu terá um acervo de obras de arte relacionados a água. No local, haverá ainda um espaço destinado ao teatro e cinema.

Foto Eduíno de Mattos
A Associação dos Amigos do Museu das Água de Porto Alegre (Amusa) participará em maio, juntamente com o Memorial da Justiça Federal, a Comissão Pró-Museu da Águas de Porto Alegre, da 13ª Semana dos Museus, que será realizada de 18 a 24 de maio. O evento é organizado pelo Instituto Brasileiro de Museus (Ibram).

Fonte: Portal do Jornal Correio do Povo

Veja abaixo a Indicação apresentada pela vereadora Sofia Cavedon.




Leia também:
Tribuna Popular destaca a construção do Museu das Águas 

Foto Cassiana Martins/CMPA
A Associação dos Amigos do Museu das Águas de Porto Alegre (Amusa) ocupou, na sessão ordinária da Câmara Municipal desta segunda-feira (23/3), o espaço destinado à Tribuna Popular. Na oportunidade, a presidente da Associação, a artista plástica Zoravia Bettiol, lembrou o Dia Internacional da Água, celebrado em 22 de março, e apresentou os avanços ocorridos na construção do Museu das Águas (Musa) na Capital.

Zoravia destacou que a missão do Musa é promover o conhecimento e a valorização da água por meio da arte. "Queremos valorizar os recursos hídricos tanto da nossa Capital quanto do Brasil inteiro", disse. Afirmou que, no projeto que está sendo elaborado para a construção do Musa em Porto Alegre, haverá três eixos: o histórico, o educativo e o artístico, para dar mais abrangência e complexidade ao empreendimento. "Nossa ideia de projeto é envolver ainda mais a comunidade sobre o bem que é a água e mostrar as possibilidades de preservação e conservação dela", afirmou. Zoravia ainda destacou as diversas entidades parceiras no desenvolvimento do Museu, como a prefeitura e a Universidade Federal do Rio Grande do Sul (Ufrgs).

A presidente ressaltou que a criação da Amusa serve para dar apoio ao empreendimento e para prestar contas à população sobre os gastos envolvidos. "A área prevista para o projeto tem 12 mil m², e o custo aproximado é de R$ 50 milhões", afirmou. Zoravia comparou o Museu das Águas com os estádios de futebol construídos para a Copa do Mundo de 2014 e destacou que a instituição captaria apenas 10% do que foi investido em cada estádio. "Contudo, um museu dessa envergadura projetaria o Brasil para o mundo como forma de prevenção da água", concluiu.

Fonte: Portal da CMPA.