sexta-feira, 8 de maio de 2015

Municipários irão paralisar dias 13 e 14 de maio

Em Assembleia Geral realizada nesta quinta-feira, dia 7 de maio, os municipários deliberaram pela paralisação geral de todas as atividades nos dias 13 e 14 com o objetivo de pressionar o Governo a receber a categoria para negociar o reajuste e evitar perdas salariais devido ao efeito cascata. A pauta de reivindicações já foi encaminhada ao Prefeito no início do mês passado, mas ainda não houve resposta.

Foto Marta Resing
Após a Assembleia, os municipários saíram em caminhada até o Paço Municipal, onde realizaram um ato em protesto ao silêncio do Governo para dialogar sobre a data-base. Estenderam uma imensa faixa preta entre os dois prédios da Prefeitura e pronunciaram palavras de ordem exigindo seus direitos. Nos dias 13 e 14 de maio a categoria vai às ruas novamente, dessa vez vestida de preto, para mostrar sua disposição de luta, assim como diz o  refrão do jingle da campanha 2015: “quem não pode com as formigas, não atiça o formigueiro” (ouça aqui).

Na semana passada, atendendo ao pedido de urgência do prefeito, os vereadores da bancada governista, aprovaram um projeto de lei que corrige o efeito cascata e institui gratificações somente para alguns servidores da Secretaria Municipal da Fazenda, que já recebem um dos mais altos salários. A categoria não vai aceitar!

Fonte: Portal da Atempa.