segunda-feira, 8 de junho de 2015

Serenatas pela Cultura iniciam nesta terça-feira

Pela revitalização e recuperação dos espaços culturais de nossa cidade

Arte Marta Resing
A vereadora Sofia Cavedon (PT/PoA), em parceria com a Cia de Arte e o Sindicato dos Artistas do RS (Sated/RS), irá realizar nesta terça-feira, 9 de junho, das 17h às 18h, uma Serenata em frente à Cia de Arte (Rua dos Andradas, 1780), com Entrada Franca.

O objetivo das Serenatas pela Cultura são o de sensibilizar a população de nossa cidade e gestores sobre a importância de manter este espaço, um prédio de nove andares onde funcionam teatro, biblioteca, restaurante/café, ateliê e salas multiuso observando a rotatividade de uso dos espaços. Assim ocorrem espetáculos, exposições, apresentações, ensaios, seminários, oficinas de formação e workshops, além de confecção de cenários, figurinos, bonecos e adereços.

Este importante pólo da economia criativa e cultural do Estado está fechado desde o final de janeiro de 2015, quando ocorreu um incêndio na casa de máquinas do elevador. Após o sinistro, o prédio foi interditado pelo Corpo de Bombeiros.

Após esta ação, as serenatas terão continuidade de forma itinerante por outros espaços culturais de Porto Alegre que também estão fechados ou funcionando de maneira precária, como é o caso do Teatro de Câmara Tulio Piva, o Memorial do Theatro São Pedro e outros, mas também não esqueceremos de comemorar a revitalização e restauro de espaços como o Cine Capitólio.

História da Cia de Arte

Foto Cia de Arte
O início da Cia de Arte ocorreu durante os anos 80, quando a Caixa Econômica Federal adquiriu um imóvel de nove andares com um pequeno teatro, situado na Rua da Praia, atual Rua dos Andradas.

Rapidamente o local se transformou em ponto de encontro de artistas e intelectuais da cidade e em 1998 quando a APCEF-RS mudou-se para uma sede própria, a gerência do espaço ficou sob responsabilidade da própria classe artística frequentadora. Iniciou-se então um movimento que iria definir o futuro do prédio: de um lado a CEF tentando leiloar o imóvel e do outro, os artistas reivindicando a manutenção de um espaço único na cidade para ensaios, montagens, aulas, oficinas, apresentações e convívio.

Ao final dos anos 90 aconteceram diversas manifestações pela cidade, organizadas por artistas e entidades culturais, chamando a atenção da sociedade e poder público para a cultura local. Finalmente em 2000, a mobilização da classe artística conseguiu que o Município de Porto Alegre, através do Prefeito Raul Pont, comprasse o imóvel da CEF e o cedesse para uso dos artistas.

Foi então criada a Associação do Centro Cultural Cia de Arte. Esta Associação, em 2004, recebeu da Prefeitura de Porto Alegre um Termo de Cessão de Uso, celebrando a conquista do espaço e a partir deste momento a gestão da Associação do Centro Cultural Cia de Arte passa a ser feita por um Conselho Gestor, eleito entre os sócios,  em assembleia.

A gestão do Centro Cultural Cia de Arte é independente, cabendo à Associação a responsabilidade por buscar recursos para manutenção e melhorias do espaço. A cedência do espaço do restaurante e as taxas de manutenção recebidas pelo uso das salas e do teatro mantêm a Cia de Arte ativa. A parceria com a Prefeitura, que contribui com as despesas de água e energia elétrica, foi renovada em 2012 com a assinatura de novo Termo de Cessão de Uso e é fundamental para manter o espaço de portas abertas.

Serviço:
Serenatas pela Cultura
Em frente ao prédio da Cia de Arte (Rua dos Andradas, 1780)
Das 17h às 18h - Concentração a partir das 16h30min
Entrada Franca