quinta-feira, 13 de agosto de 2015

É hoje: A Terceirização e as Mulheres – Plenária preparatória para o Congresso Municipal

Arte Marta Resing
A Procuradoria Especial da Mulher da Câmara Municipal de Porto Alegre realiza nesta quinta-feira – 13 de agosto - às 18 horas, na Sala 302 das Comissões da Casa Legislativa, a Plenária Livre “A Terceirização e as Mulheres", que será preparatória para a VI Conferência Municipal das Mulheres, que acontece nos dias seguintes - 14 e 15 de agosto – também na Câmara Municipal (Av. Loureiro da Silva, 255 - Centro Histórico).

A Terceirização e as Mulheres é uma conferência livre sobre a precarização do trabalho das Mulheres Terceirizadas  em Porto Alegre, em especial as que atuam na Rede Municipal de Ensino, informa a procuradora, vereadora Sofia Cavedon (PT), autora do projeto de resolução que criou a Procuradoria na Casa.

A plenária será nesta quinta-feira – 13 de agosto - às 18 horas, na Sala das Comissões da Câmara Municipal de Porto Alegre (Av. Loureiro da Silva, 255 - Centro Histórico).

VI Conferência Municipal de Políticas para as Mulheres

Nos dias seguintes - 14 e 15 de agosto - se realiza na Câmara Municipal a 6ª Conferência Municipal das Políticas Públicas para as Mulheres terá a temática “Mais direitos, participação e poder para as mulheres”, visa traçar estratégias para que as políticas públicas de igualdade para as mulheres sejam efetivas em Porto Alegre. A abertura será às 19 horas.

Com uma pauta focada em quatro eixos centrais de debates temáticos que abordam a contribuição dos conselhos e dos movimentos das mulheres e feministas; os avanços e desafios das estruturas institucionais no âmbito municipal, o sistema político com participação das mulheres visando poder e igualdade e, por último, a proposição do sistema nacional de políticas para as mulheres (fundo financeiro).

O credenciamento das (os) participantes é obrigatório e ocorrerá no dia 15, sábado, das 8h30min às 11 horas. A coordenação alerta que as(os) inscritas (os) terão acesso direto à 5ª Conferência Estadual, desde que tenham 75% de presença participando de um dos Grupos de Trabalho e possuam certificação.

A coordenação do evento é da Secretaria Adjunta da Mulher, vinculada à Secretaria Municipal dos Direitos Humanos, Fórum Municipal dos Direitos da Mulher e Conselho Municipal dos Direitos da Mulher.