sexta-feira, 12 de fevereiro de 2016

Obras nas escolas infantis poder ser feitas com os recursos devolvidos pela Câmara de Vereadores/as

Foto Sandra Ilíbio Braz
Uma das principais articuladoras para que os recursos devolvidos no final do ano pela Câmara de Vereadores/as ao Executivo Municipal sejam destinados 75% para o Funcriança e para as creches conveniadas com a Prefeitura, a vereadora Sofia Cavedon, membro da Comissão de Educação da Casa e Líder da Bancada do PT, visitou esta semana duas escolas infantis.

Conforme a vereadora, as obras da Brizolinha, por exemplo, estão sendo realizadas com recursos oriundos dessa fonte, de 2011, quando ela tomou a iniciativa no final de sua gestão na presidência da Casa Legislativa da capital. “Esses recursos podem viabilizar inúmeras melhorias nas instituições que atendem grande parte das nossas crianças”.

Foto Sandra Ilíbio Braz
Nesta sexta-feira (12/2), Sofia esteve na Escola de Educação Infantil Brizolinha, localizada no Jardim Renascença, no bairro Cascata. A presidente da Associação, Jussara Cabeda, informou
que a escola possui 47 crianças, existindo uma demanda reprimida no maternal 1 e 2 (2,3 e 4 anos).

A reforma da escola iniciou recentemente, apesar dos recursos serem de 2011, devido a grande burocracia imposta, “o que causou prejuízos ao trabalho com as crianças”, salienta Jussara. Na instituição estão em obras o piso, lavanderia, portas e troca da cerca do pátio. Ainda há a necessidade de construir uma rampa de acessibilidade, pois só existe uma escada sem corrimão, e uma obra de drenagem, pois quando chove, entra água na secretaria da escola.

Foto Sandra Ilíbio Braz
Sofia destaca também as ações positivas como a criação dos Cantinhos temáticos; as três horas de formação e planejamento semanal; as educadoras com carga horária de 6 horas; e o trabalho com sucata realizado com os alunos/as.

Na Vila São Pedro

Foto Sandra Ilíbio Braz
Na quinta-feira (11/2), a vereadora esteve na Creche Nossa Senhora Aparecida da Vila São Pedro, localizada na Av. Ipiranga (em frente ao Bourbon). As demandas apresentadas também podem ser realizadas como os recursos devolvidos da Câmara, diz Sofia.

Foto Sandra Ilíbio Braz
A instituição necessita regularizar a energia elétrica, de pintura interna, troca de janelas, e uma nova geladeira. Com recursos do programa federal Brasil Carinhoso a escola conseguiu arrumar a fachada e trocar quatro janelas.

Conveniada com a Prefeitura, atende 66 crianças de 0 a 5 anos. A comunidade é muito carente, com problemas de moradia,  saneamento,  água e energia elétrica.