terça-feira, 5 de abril de 2016

Mausoléu da Casa do Artista

Foto Divulgação Sated/RS
A vereadora Sofia Cavedon (PT), autora da emenda que destinou recursos para o início da obra, visitou nesta terça-feira (05/4) o Mausoléu da Casa do Artista Riograndense, que está sendo construído no Cemitério Municipal São João, na zona Norte de Porto Alegre.  Presentes no encontro o secretário municipal de Cultura, Roque Jacoby, e a direção do Sated/RS.

Projeto de Vinícius Vieira
O projeto é de autoria do arquiteto Vinícius Vieira que já tem prontos o espaço circular de apresentações e três túmulos dos 14 previstos com dois lugares cada um. A obra custou, até agora, R$ 32 mil, verba repassada pela Secretaria da Cultura.

Segundo o diretor da casa, Luciano Fernandes que acompanhou a visita junto com a tesoureira da instituição, Shirley Peralta, o restante do projeto, que inclui jardim e uma obra de arte envolvendo o espaço, poderá necessitar de mais recursos.

Para Luciano Fernandes, a relação com a Secretaria da Cultura é essencial para a construção, porque permite que se estabeleça um diálogo entre os setores envolvidos para a liberação das verbas "o que sempre é difícil". Acrescentou que há cinco anos a Cultura é parceira de projetos da Casa do Artista. No caso do mausoléu, a parceria se deve à obra de arte que integra o projeto.

Foto Divulgação Sated/RS
A construção do mausoléu visa a dar um jazigo digno para sepultamento de artistas abrigados na casa instalada na rua Anchieta, 280, do Bairro Glória. Conforme a vereadora a construção de um Mausoléu no Cemitério São João para a Casa do Artista Rio-Grandense, visa garantir um jazigo digno para sepultamento de artistas como reconhecimento póstumo pela sua arte, preservando a memória e a cultura artística de Porto Alegre.

A Casa do Artista Riograndense é um prédio de dois andares de arquitetura colonial que foi comprada da família Rocco no início dos anos 1950 por artistas da época que já se preocupavam com a velhice de colegas. Dia 21 de abril, ela comemora seu aniversário e o diretor recebeu sugestão para realização de um evento ecumênico no mausoléu para assinalar o fato de que parte do projeto já pode cumprir sua função.

Saiba mais sobre o Mausoléu

Com informações do Portal da SMC.