quinta-feira, 12 de maio de 2016

PT/RS aprova Resolução: – condena o golpe e chama a militância para oposição ao Temer

Resolução Política

Foto PT/RS
O dia 12 de maio marca uma passagem nefasta para a democracia no Brasil, onde um golpe jurídico-parlamentar-midiático afasta Dilma Rousseff, a primeira mulher eleita Presidenta da República, reeleita com mais de 54 milhões de votos. Um golpe contra aqueles e aquelas que defendem uma sociedade mais justa, igualitária e democrática.

Neste sentido, a Comissão Executiva Estadual do PT/RS, por unanimidade, determina que todos e todas filiados e filiadas em cargos em comissão da esfera federal peçam a sua imediata exoneração.
O não cumprimento desta decisão acarretará em infração prevista no Estatuto Partidário. O PT gaúcho não aceitará filiados e filiadas partícipes do governo usurpador do voto popular.

Convocamos a todas e todos petistas a continuar lutando pela democracia, fazendo oposição ao governo ilegítimo de Michel Temer e defendendo as conquistas da classe trabalhadora.

Porto Alegre, 12 de maio de 2016

Comissão Executiva Estadual do PT/RS

Fonte: Portal do PT/RS

Leia também:
“Não existe injustiça maior que condenar um inocente”, afirma Dilma