quarta-feira, 31 de maio de 2017

Categoria Municipária derrota proposta do Prefeito de congelar salários

Foto Marta Resing
Vitória da categoria municipária de Porto Alegre que obrigou o prefeito tucano Marquezan a retirar o PLE 002/17 que congelava os salários dos e das servidoras/es da capital. Sofia Cavedon

Assista aqui a manifestação de Sofia .

Para a vereadora, "esse projeto de lei é uma sinalização péssima de um governo que não veio para construir uma gestão com os municipários” declarou. Conforme Sofia, o projeto é contrário as e aos servidores/as municipais, pois congelava os salários. "O secretário da Fazenda, Leonardo Busatto, enxerga a folha salarial como uma fonte de recursos”, afirmou. Para Sofia a folha de pessoal é um investimento obrigatório que a Prefeitura tem que fazer. “O maior investimento precisa ser no funcionário público pelo serviço que presta à população".

Foto Leonardo Contursi/CMPA
Sofia também criticou a forma de governar do prefeito Nelson Marchezan Jr, que é “ditatorial e não tem legitimidade”, além de apostar em soluções rápidas e autoritárias. “Ele não senta para conversar com os municipários e está se escondendo atrás do Parlamento”, com o envio de projetos que pretendem congelar o salário dos servidores e aumentar a alíquota de contribuição para a aposentadoria. “Estamos vivendo sob terrorismo, sem diálogo, com ameaças e não aceitaremos essa discussão sumária sem a tentativa de levar a cabo outras medidas que saneiem o problema financeiro da Prefeitura”, declarou.

Leia também:
‘Derrotado’, governo Marchezan retira projeto que desobriga reposição salarial de servidores