quinta-feira, 25 de maio de 2017

Vereadores-as se manifestam na tribuna pela manutenção da SME

Foto Marta Resing
Representantes de parques municipais e defensores da secretaria foram recebidos na Câmara

O período de Comunicações Temáticas da sessão ordinária desta quinta-feira (25/5), na Câmara Municipal de Porto Alegre, teve como assunto a importância do esporte, do lazer e da recreação para a qualidade de vida da população. Também foi defendida na oportunidade a manutenção da Secretaria Municipal de Esportes (SME).

Promovido pela Frente Parlamentar em Defesa do Direito Social ao Esporte, ao Lazer e à Recreação, coordenada pela vereadora Sofia Cavedon (PT), foram convidados a participar da sessão plenária representantes dos parques municipais Ararigbóia e Alim Pedro, do Conselho Regional de Educação Física e da graduação em Educação Física da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (Ufrgs).

Foto Marta Resing
Primeiro a se manifestar, o professor da Escola Superior de Educação Física e Dança da Ufrgs Mauro Myskim apresentou aos vereadores a ideia do esporte e do lazer como direitos sociais, destacando que a prática de atividades físicas colabora na diminuição das desigualdades sociais. “Não se trata de assistencialismo, mas de um elemento de proteção social”, afirmou. O professor garantiu ainda que a promoção de eventos esportivos se impõe como forma de ocupação dos espaços públicos e defendeu a manutenção da SME como pasta única. “É preciso uma secretaria específica para conversar com os diferentes esportes e entender suas culturas organizacionais para implementar uma política pública de resultados”, completou.

Foto Marta Resing
José Albino Maciel, presidente da Associação Comunitária do Parque Ararigboia, falou sobre o histórico de conquistas para o equipamento através do Orçamento Participativo. “A partir disso, toda a comunidade entendeu a proposta do parque e colabora com sua manutenção”, expôs. Maciel também ressaltou a importância da atuação em parceria da população com a SME no local. “O Ararigbóia é um lugar de transmissão de valores às pessoas, de acolhimento e de exercício da cidadania”, argumentou. Para ele, a mudança no status politico da SME representa um retrocesso. “Temos medo de perder as nossas conquistas”, resumiu.

Saúde e bem estar

Foto Marta Resing
“Não somos filiados a partidos políticos, mas defendemos nossas comunidades”, declarou a representante dos/as usuários/as do Parque Alim Pedro, Nelsi Girardi. Para ela, a extinção da SME não se justifica: “É uma secretaria que tem custo de apenas 0,37% do orçamento e gera saúde e bem estar”. Nelsi pediu que os vereadores da Capital “tomem consciência” e os convidou a conhecer os parques municipais. “Em sua campanha, o prefeito municipal garantiu que aquilo que estava funcionando iria ser mantido, por isso peço aos senhores que defendam a SME”, finalizou.

Foto Leonardo Contursi/CMPA 
Na mesma linha, a presidente do Conselho Regional de Educação Física, Carmem Masson, assegurou que a extinção da SME gerará prejuízo à prefeitura. “A pasta funciona com um orçamento mínimo, sendo viabilizada através de parcerias com entidades privadas, e, para isso, precisa de autonomia como secretaria”, explicou. Carmem também apelou aos vereadores para que a estrutura da secretaria de Esportes seja mantida. “Extinguir a SME significa perder dinheiro, alcance e visibilidade”, afirmou.

Foto Marta Resing
Sofia cavedon defendeu a permanência das atividades esportivas da instituição. "As falas aqui foram muito significativas e faz a gente pensar nas consequências da possível extinção da secretaria de esportes", disse. Para a vereadora, essas consequências podem ser graves, já que não houve estudo sobre o assunto. De acordo com Sofia, a SME tem um patrimônio material, construído com o esforço de gestores e das comunidades e também o patrimônio humano de conhecimento, capacidade, autonomia e liberdade física.

Veja as demais manifestações acessando o Portal da CMPA.

Conheça a trajetória de Sofia Cavedon em defesa da SME.

Leia também: 
Secretaria dos Esportes não será extinta, afirmam 20 vereadores

Veja aqui o registro fotográfico do evento.