quarta-feira, 24 de maio de 2017

Cultura Viva – Projeto cria Política Municipal para os Pontos de Cultura

Foto Marta Rresing
Proposta em forma de Lei criando a Política Municipal de Cultura Viva, visando ampliar o acesso da população porto-alegrense à Cultura, está sendo analisada entre representantes de Pontos de Cultura locais e a vereadora Sofia Cavedon (PT), autora do projeto de lei protocolado em 2015 - PLL 298/15.

Sofia destaca “a necessidade de a proposta ser consolidada como uma política permanente, que afirme o processo cultural e que contemple a riqueza e a diversidade das nossas manifestações culturais”.

O GT que está debatendo o projeto de lei é composto por Leandro Anton, da Rede de Pontos de Cultura do RS e do Ponto de Cultura Quilombo do Sopapo; César Camargo do Ponto de Cultura Varanda Cultural e Conselheiro Municipal de Cultura; Josiane França, do Ponto de Cultura da ACERGS; Ilson Renato Marques, do Ponto de Cultura de A a Z, e Rozane Dalsasso, pelo gabinete da vereadora Sofia Cavedon.

Na reunião ocorrida nesta quarta-feira (24), com a presença da Vereadora, o Grupo de Trabalho considera ter avançado com a definição de vários itens como os objetivos; os beneficiários prioritários; a composição; os instrumentos de gestão; das premissas estruturantes dos Pontos de Cultura e os Pontões de Cultura; as instâncias de articulação, pactuação e deliberação; do órgão gestor; da disponibilização de recursos e regras gerais.

Pontos de Cultura ativos

Em Porto Alegre, existem 22 Pontos de Cultura ativos, selecionados por meio de editais do Ministério da Cultura (MinC) e da Secretaria de Estado da Cultura (Sedac).  Conforme Sofia, compete à SMC implantar o Programa Cultura Viva e realizar convênios com o MinC e com a Sedac, “para possibilitar a implantação de um maior número de Pontos de Cultura, que irão possibilitar acesso à cultura, opções de cursos, oficinas e vivências artísticas às crianças, aos jovens e aos adolescentes de nosso Município”, salienta a vereadora.

Para o GT, Porto Alegre esteve durante muitos anos na vanguarda da cultura do País. “Cabe, neste momento, retomar essa vanguarda, no que se refere a uma lei municipal da política de cultura viva, juntamente com municípios e estados que já aprovaram essa Lei, beneficiando, assim, as culturas local e regional”, afirmam os participantes.

Novo encontro

A próxima reunião para dar continuidade à análise do projeto de lei será realizada na terça-feira (30/5), às 10h30min, no gabinete da Vereadora Sofia Cavedon- Av. Loureiro da Silva, 255, sala 211.