segunda-feira, 5 de junho de 2017

Gênero – Pesquisadoras americanas serão recebidas por Sofia Cavedon

Foto Marta Resing
Delegação americana de pesquisadoras e alunas será recebida nesta quarta-feira (07) pela Procuradoria Especial da Mulher da Câmara Municipal de Porto Alegre.

Em sua segunda gestão frente à Procuradoria, a vereadora Sofia Cavedon (PT), que convidou todas as vereadoras da Casa para participar, receberá às 10h, uma delegação de pesquisadoras de Indianápolis, Indiana - Estados Unidos, que se dedicam a estudar a política de gênero. “Ela querem conhecer o trabalho que desenvolvemos em Porto Alegre e também apresentarão o projeto que atuam”, destaca Sofia. O encontro será no Salão Adel Carvalho do Legislativo Municipal (Av. Loureiro da Silva, 255).

Foto Marian University 
Foto Marian University 
A delegação estará na capital de 2 a 9 de junho, com várias reuniões marcadas sobre a temática, sob a coordenação das professoras da Marian University - Mary Ellen Lennon – Professora de história do mundo e história dos EUA com especialização em história da mulher; e Holly A. Gastineau-Grimes, Professora universitária especializada em relações internacionais, políticas de desenvolvimento e políticas públicas de gênero.

As estudantes pesquisadoras que compõem a delegação são:

Kayla Bledsoe: aluna do primeiro ano de psicologia na Marian University, pesquisa sobre
direitos iguais e empoderamento feminino . Ela está analisando a percepção pública na
comunidade LGBT e o efeito desta percepção nos indivíduos.

Elizabeth Hilt: está terminando sua formação em educação este ano na Marian
University e conquistou o Senior Award for Outstanding Achievement in Secondary Education e o Sister Mary Carol Schroeder Memorial Award. Pesquisa sobre direitos iguais e empoderamento feminino e está analisando diferenças de gênero na educação, especialmente no currículo de história e ciência social.

Maresa Kelly: é aluna de primeiro ano na Marian University, se graduando em
comunicação com enfoque em paz e justiça, estudo de gênero, estudos globais e liderança
religiosa. Pesquisa sobre direitos iguais e empoderamento feminino, e está analisando
como as mulheres são reportadas negativamente pela mídia e violência doméstica.

Marah Leonfils: está se formando em comunicação com enfoque paz e justiça. Pesquisa sobre direitos iguais e empoderamento feminino e está analisando mulheres negras na literatura.