quarta-feira, 5 de julho de 2017

Nova rotina escolar da Smed deixa alunos e alunas sozinhos/as em frente às escolas

Aluno/as expostos/as a situações de violências e vulnerabilidade, como o que ocorre nos entornos das escolas com tiroteios acontecendo seguidamente, a exemplo do ocorrido na Escola Municipal Pessoa de Brum, é fato normal nos dias de hoje após a imposição da nova rotina escolar do prefeito Marchezan.

A situação foi presenciada nesta terça-feira (04) pela vereadora Sofia Cavedon (PT), que a convite das mães do Movimento Famílias da Educação Municipal, esteve ao meio-dia em frente à Escola Municipal Rincão, localizada na Rua Luiz Otávio, bairro Belém Velho.

A vereadora, que tem seu mandato a Educação como umas das suas principais lutas, acompanhou a nova rotina na EMEF e presenciou as crianças sozinhas em frente à escola esperando o próximo turno. No encontro Sofia recebeu novamente a informação que o programa Mais Educação instituído no governo Lula (que amplia a jornada escolar nas escolas públicas - turno inverso) está sendo desmontado pelo atual governo do PSDB na capital.

A educação exige respeito e investimento”, afirmou Sofia que apoia o protagonismo de mães e pais que lutam pela qualidade da educação e a segurança de seus filhos e filhas.

Veja também:
- Segurança nas Escolas - Desmonte das políticas públicas é um dos principais fatores pelo aumento da violência 
- Famílias na luta pela Educação denunciam ao MP de Contas descaso com a Educação em Porto Alegre