sexta-feira, 27 de setembro de 2019

Rede Estadual de Ensino - Escola Parobé reage contra o fechamento de turmas

Foto Elisamar Rodrigues
Mais uma escola manifesta-se contra o fechamento de turmas do ensino médio e a enturmação que a Secretaria Estadual de Educação (Seduc) está promovendo. Desta vez foi a Escola Técnica Estadual Parobé que através do seu Conselho Escolar chamou com urgência uma reunião com a presidente da Comissão de Educação da Assembleia Legislativa, deputada Sofia Cavedon.

No encontro da manhã desta sexta-feira, 27, a comunidade escolar denunciou o fechamento de turmas e a enturmação, entre elas turmas em conclusão de curso com o processo de formatura em andamento, que deverão ser aglutinadas com outras. "Nesta altura do ano o governo propor essas ações é um desrespeito com a Educação e com os estudantes", afirma a deputada. Além disso os laboratórios não comportam turmas grandes assim como muitas salas de aula; e da escola contar com muitos alunos com deficiência de visão, cadeirantes e autistas, que a Seduc não considera quando faz essa determinação", salienta a presidente.

Sofia destaca que a ação do governo abrange muitos outros estabelecimentos e que a Comissão está apoiando a organização da comunidade escolar. "Nesta terça-feira passada (24) a Comissão recebeu três escolas com a mesma situação. O Colégio Cândido José de Godoi, de Porto Alegre; o Instituto Estadual Cel. Patrício Vieira Rodrigues, de Tapes; e a Escola Estadual de Ensino Fundamental Evaristo da Veiga, de Guaíba." A deputada ressalta que irá exigir coerência do Governo do Estado, "que sinaliza para a Comissão de Educação que quer estabilizar a relação para avançar nos desafios da Rede, mas na prática faz outra coisa."

Sofia informa que o tema estará na pauta da reunião da Comissão de terça-feira (01), às 09h30, com a presença de representantes das Escolas Técnicas  Parobé e Irmão Pedro, ambas de Porto Alegre.

Parobé - A Escola Técnica Parobé também enfrenta outras problemas como a sua biblioteca fechada, não tem monitor no turno da manhã e estão sem supervisor.

Veja também:
Rede Estadual - Diretores pedem apoio à Comissão de Educação

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ao postar seu comentário, por favor, deixe seu contato para que possamos retornar. Obrigada.